Usuário:  Senha:  
 
  home / associados / premiações / dicionário / quem somos / associe-se / legislação / fale conosco   
 
 
 
Vinho & Saúde /
Aos homens com hipertensão, faz bem bebe vinho com moderação

Dados Estatísticos
Produção de Uvas
Comercialização de Vinhos
e Derivados
Importação de Vinhos e
Espumantes

Sites Interessantes
Embrapa Uva e Vinho
CEFET
Ministério do
Desenvolvimento
CONAB
Receita Federal
Ministério da Agricultura,
 Pecuária e Abastecimento
Organização Internacional
 da Uva e do Vinho

Consórcio de Exportação
Associação Brasileira
 de Enologia


Segundo um estudo realizado em Worcester Medical Center de Massachussets
Aos homens com hipertensão, faz bem beber vinho com moderação

A FIVIN, em seu trabalho habitual de difundir as novidades relativas à “Vinho, Nutrição e Saúde”, e divulgar as mesmas ao público consumidor com uma mensagem clara, confiável e certa, avalizado por referências científicas, recolhe a seguir a notícia do estudo publicado no “Archives of Internal Medicine”.

Efetivamente, em março de 2004, foi publicado um estudo de uma equipe de pesquisadores do Worcester Medical Center, de Massachussets, Estados Unidos. O mesmo afirma que os homens com hipertensão, com idade entre 40 e 84 anos, e que habitualmente consomem vinho de maneira moderada, mostram 44% menos de risco de desenvolver doenças cardiovasculares.

Este estudo foi publicado depois de se verificar durante vários anos o comportamento de 14.125 homens, todos com um diagnóstico de hipertensão, para os quais foi feito um acompanhamento continuado, analisando os hábitos de consumo de bebidas alcoólicas, de exercícios físicos e se eram fumantes ou não.

Para esses pesquisadores, o resultado obtido deu um passo adiante em uma área de conflitos entre problemas de pressão e o consumo de vinho, um passo que confirma o resultado de estudos anteriores.

A FIVIN se felicita com o resultado deste estudo que vem reforçar os benefícios do consumo moderado de vinho, em particular durante as refeições, tendo em conta as circunstâncias pessoais do indivíduo (peso, idade, doenças, antecedentes familiares, etc.) e sempre evitando o consumo abusivo, que pode ter efeitos contrários.

Ref:
Maciej K. Malinski, MD; Howard D. Sesso, ScD, MPH; Francisco Lopez-Jimenez, MD, MSc; Julie E. Buring, ScD; J. Michael Gaziano, MD, MPH
Arch Intern Med. 2004;164:623-628.
Vol. 164 No. 6, March 22, 2004

FIVIN (Fundación Para la Investigación del Vino y la Nutrición)
Plaza Penedès, 3, 3er piso. 08720 Vilafranca del Penedès (Barcelona)
Tel. 93-890.45.45 Fax. 93-890.46.11 E-mail: prensa@fivin.com

Fonte: Texto recebido da FIVIN – Fundação de Pesquisas do Vinho para a Nutrição

 
     
  [ by Alvo Global - Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados ]